Pré-diabetes e o Risco que você e seus Familiares Correm

A pré-diabetes é a condição onde o açúcar do sangue (glicemia de jejum) encontra-se entre 105 mg/dL, 125 mg/dL, enfim, e como a pré-diabetes não mostra nenhum sintoma, você precisa de muita atenção nessa fase.

Segundos números cerca de 80% a 90% dos pré-diabéticos estão acima do peso, portanto, se você está acima do peso é importante você já ficar atento e já realizar um exame de glicemia de jejum ou capilar.

 

 

Como a Pré diabete é detectada

Tudo começa seguindo nossa alimentação, segundo o médico Doutor Rocha, nossa alimentação é a principal responsável por esse aumento significativo nos números de pré-diabéticos pelo mundo a fora, incluindo o Brasil.

Seguir essa “dieta balanceada” que muitos nutricionistas recomendam, que na verdade são ricas em carboidratos, e pobres em gorduras saudáveis, essa alimentação, está adoecendo milhares de pessoas, e tem fator direto com o pré-diabetes.

Após sua medição em jejum chegado a 105 mg/dL – 126 mg/dL, nessa faixa em jejum, sugere que você está pré-diabético.

Que em pouco tempo, se você continuar assim, isso irá evoluir para o estado de diabetes, que é acima de 126 mg/DL.

 

O que Acontece com o Pré-diabéticos

O maior problema da pré diabetes é a falta de sintomas, uma doença silenciosa que pode evoluir para um estado grave da diabetes.

Quando você está nessa fase, você nem sabe, por isso a importância da medição para saber.

Quando muitas pessoas descobrem, elas já estão diabéticas, apresentando cansaço, sede em excesso, perda de peso rápido, tonturas, excesso de fome (come muito), urina muito.

Esses fatores são de uma diabetes descompensada, eles são de fácil detecção por um médico ou até mesmo pela própria pessoa.

Já a pré diabetes, não tem nada disso, ela é um estágio inicial, e como se seu corpo, estivesse te avisando que sua alimentação está ruim (veneno), mas você não muda, então seu corpo não aguenta mais e perde a batalha, evoluindo para o estado de diabetes.

As pessoas que tem a pré diabetes já está com início de resistência à insulina, mas ela não é demostrada, a pessoa se sente super bem, tranquila, mas no fundo está indo para um estado lamentável, que pode se agravar para um pior ainda, isso fora os outros problemas, como: depressão, baixa autoestima, desmotivação, etc.

Outro fato importante que como foi dito 90% está com sobrepeso, por isso é importante manter seu peso em dia, para isso você precisa de uma alimentação cerca, com menos carboidratos e alimentos industrializados.

 

E Agora?… Pré-Diabetes Tem Cura?

Fique atento se você está acima do peso (ou obeso), isso pode ser um indício de pré diabetes, por isso é de grande importância o teste, pode ser o capilar, esse que é feito no aparelhinho em casa mesmo (medido pelo dedo em jejum) super prático e rápido, e tem que ser feito a hemoglobina glicosilada, dessa forma você vai saber se você tem ou não pré diabetes (ou até mesmo a diabetes), além é claro que você precisa adotar uma alimentação correta.

Vale ressaltar que não é essa alimentação que está sendo divulgada em médias na TV, Jornais, revistas, etc.

A alimentação certa tem que ser pobre em carboidratos refinados, remover da sua alimentação: trigo, açúcar, biscoitos, embutidos, etc.

E aumentar as gorduras boas como por exemplo: Óleos de coco, abacate, ovos, etc.

Assista a serie de vídeos que o Doutor Rocha Gravou para você, entender melhor como funciona.

diabetes tem cura